sábado, 15 de julho de 2017

Flores

Ninguém
oferece flores.

A flor,
em sua fugaz existência,
já é oferenda.

Talvez, alguém,
de amor,
se ofereça em flor.

Mas só a semente
oferece flores.


Mia Couto

Um comentário:

  1. SEMENTE
    No início,
    eu queria um instante.
    A flor.

    Depois,
    nem a eternidade me bastava.
    E desejava a vertigem
    do incêndio partilhado.
    O fruto.

    Agora,
    quero apenas
    o que havia antes de haver vida.
    A semente.
    MIA COUTO

    A obra de Mia Couto nos faz viajar em suas conecções

    ResponderExcluir